Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pensamentoss0ltos

Monstro

Como é possível haver tantos casos que vão de negligencia a maus tratos,

chegando mesmo ao ponto de se matar o próprio filho.

E não me venham cá com a teoria (desculpa) mais usada,

chegando mesmo a já estar gasta de tanto uso,

de que a mãe (sé é que se pode chamar de tal) cometeu o assassínio por estar desesperada

ou até mesmo com uma depressão.

Porque para mim NADA pode justificar tal acto.

Eu como mãe que sou, muitas vezes me vejo em situações menos estáveis,

sejam elas a nível financeiro ou sentimental.

E não é por isso que faço mal ou deixo de dar atenção ao meu filho.

A minha opinião pessoal é que só mesmo uma pessoa completamente doente,

desequilibrada e sem qualquer tipo de amor ao próximo 

ou até mesmo a si mesma é capaz de tamanha barbaridade.

Infelizmente muitas vezes é mesmo na porta ao lado

que existem monstros deste e outros genros. 

 

São acontecimentos como os que tem estado em grande destaque nos últimos dias,

em tudo o que é programa de informação que me deixam sem chão.

Acontecimentos estes, a que dedicamos 20-30 segundos do nosso dia-a-dia

e por serem tão chocantes, voltamos novamente as nossas tarefas,

pensando que só acontece aos outros. 

signature.jpg
Na Blogosfera desde 05 Agosto 2014

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.